segunda-feira, 31 de março de 2014

Tecnologia moda e beleza: unhas 3D

A cada dia surge uma nova utilização de impressoras 3D para o mercado de moda e beleza. Para quem não sabe, as impressoras 3D parecem impressoras comuns de computador mas usando resinas plásticas imprimem / constroem objetos tri-dimensionais. Você pode ter uma impressora desta em casa ou no escritório e baixar (fazer download) de desenhos e daí imprimir / criar os objetos.

Essa tecnologia de imprimir / construir objetos numa impressora 3D já tinha sido mostrada num post anterior aqui no blog sobre um vestido na FWNY e agora surgiu essa nova aplicação curiosa: a impressão de apliques 3D para as unhas. Dá até para imprimir / construir o aplique de unha e uma bijuteria que combine, basta fazer download dos desenhos. Veja alguns exemplos na página da empresa que faz o software de impressão das unhas 3D: http://thelasergirls.tumblr.com/ 

terça-feira, 25 de março de 2014

Tecnologia de vestir: controle tudo com um dedo

Tecnologia para ser vestida (werable technology) é um tópico quente da convergência de moda e tecnologia. E um dos itens mais legais que surgiu nessa área é "Ring", um anel que serve para controlar praticamente qualquer equipamento inteligente, telefones, eletrodomésticos, automação residencial, etc., apenas com gestos no ar.

Embora o nome "Ring" para uma anel não seja a ideia mais criativa do mundo, as possibilidades de seu  uso são muuuiiiito criativas. É possível escrever só mexendo o dedo, acender uma lâmpada desenhando-a no ar, pagar uma conta com um gesto de ticar e realizar uma infinidade de comandos e controles só movendo um dedo. Veja um vídeo muito legal com algumas possibilidades de uso e o desenvolvimento do produto:


quinta-feira, 20 de março de 2014

Site de moda não precisa só apostar na modernidade

A grife francesa Lanvin construiu um hot-site (site temporário com função específica, separado do site principal da empresa) para celebrar seu 125º aniversário.

O hot-site relembra o enorme e lindo legado da marca. Essa é uma ideia muito boa para outras grifes pensarem: com a devida curadoria das imagens e a agência certa de tecnologia de sites - a Vendere por exemplo... ;-) - dá para construir um site bem bacana sobre o legado da marca, que vai ajudar a marca e as vendas hoje.

Claro, a maioria das grifes brasileiras não tem 125 anos, mas muitas tem imagens ou filmes muito legais dos anos 70 ou 80 (e até dos 60) que poderiam ser usados para este fim. Confira o hot-site da Lanvin: http://125ans.lanvin.com/#1867

terça-feira, 18 de março de 2014

Apple contrata CEO da Yves Saint Laurent: mais convergência moda e tecnologia

A gigante da informática e telefonia Apple contratou o presidente (CEO) da Yves Saint Laurent - Paul Deneve. O executivo saiu da empresa de moda para atuar em "projetos especiais" na Apple, respondendo diretamente ao seu presidente Tim Cook.

Embora a Apple não dê detalhes sobre a atuação esperada de Paul Deneve, na imprensa e na Internet as especulações são em duas direções: a) melhoria nas lojas da Apple (que atuam no mercado de consumo de luxo, como a YSL) e b) o projeto do iWatch, o relógio inteligente da Apple.

Este último é um dos segredos "menos segredo" do mercado de alta tecnologia. A Apple é vaga a respeito, mas algumas atitudes da empresa - patentes que a empresa vem registrando, conversas com fornecedores - vem alimentando a especulação que a Apple trabalhe no futuro lançamento de um "smart watch" - relógio de pulso com funções de celular e computador portátil. Nessa convergência de moda e tecnologia  a contribuição do agora ex-presidente da YSL- Paul Deneve - seria muito valiosa.

terça-feira, 11 de março de 2014

Fendi na Fashion Week de Milão: cobertura high tech

A grife italiana Fendi inovou nesta última Fashion Week de Milão com uso de pequenos drones  com câmeras para exibir imagens aéreas ao vivo de seus desfiles.

A Fendi soube atrair a atenção do público e da imprensa unindo um "live stream"  do desfile - mostrar imagens ao vivo no Youtube durante o desfile - com o extra das imagens captadas pelos drones, que voavam acima e em volta dos modelos.

Essa tecnologia de drones - aviões e helicópteros não tripulados,  que vão desde o tamanho de pequenos aeromodelos até o de aviões de passageiros - anda muito presente  na mídia pelo seu uso militar, mas vem crescendo seu uso civil, na captação de imagens e até no transporte de materiais.

Veja uma curta reportagem (em inglês )mostrando os drones no desfile da Fendi: 

)